OpenSource em Nuvem: 5 habilidades profissionais exigidas

Veja 5 competências em OpenSource exigidas pelas empresas para migração de aplicações para Nuvem

As plataformas OpenSource (Código Aberto) vão gerar cada vez mais oportunidades de trabalho para profissionais de TI.
Um estudo da IDC revela que a procura por tecnologias OpenSource em Nuvem cresceu 30% na América Latina em 2015. As projeções para 2016 indicam taxas de aumento nos mesmos patamares, o que ajuda a fomentar projetos de código aberto nas companhias

Em 2016, mais de dois terços dos novos projetos de TI deverão contemplar tecnologias OpenSource, prevê a IDC. Entre as iniciativas, estão a criação de aplicativos e implementações Big Data (que adota ferramentas para tratar grandes volumes de dados com inteligência), rede social e Internet das Coisas (IoT) baseados em Cloud Computing.

Esse cenário pede mais talentos com habilidade em plataformas abertas, constata a pesquisa “2016 OpenSource Jobs Survey and Report”, produzida a pedido da Linux Foundation. O estudo global envolveu 400 empresas e 59% delas revelaram que estão contratando mais especialistas com conhecimento de plataformas abertas.

Entretanto, 87% das entrevistadas relataram dificuldade para achar profissionais com competências em plataformas de código aberto, o que faz com que aumentem esforços para capacitar talentos nessa área.

info

Cinco competências em OpenSource exigidas pelas empresas

Para orientar os profissionais de TI que buscam crescer na carreira atuando com plataformas de código aberto, listamos a seguir cinco habilidades exigidas pelas companhias que você deve ficar atento:

1-Domínio das práticas de DevOps

O desenvolvimento de aplicativos em Nuvem está em alta, com demandas principalmente para criação de Apps (aplicativos) móveis para sistemas operacionais abertos Android. Entre as empresas entrevistadas pela Linux Foundation, 58% informaram que precisam de talentos com domínio da abordagem DevOps (união da abreviação das palavras Desenvolvedor e Operações) que sugere o alinhamento de toda a equipe de desenvolvimento com os times de TI. O objetivo da abordagem é ajudar organizações a produzirem software rapidamente, com mais qualidade, sem retrabalho e com menos custos.

2-Conhecimento em OpenStack

Mais 50% das empresas revelam interesse na adoção da tecnologia OpenStack, o que sinaliza que vão precisar de profissionais que conheçam essa ferramenta. A plataforma OpenStack é um conjunto de projetos de software de código aberto usado para configurar e operar os serviços de Infraestrutura como Serviço (IaaS), considerada uma espécie de sistema operacional da Nuvem.

3-Tecnologia de contêiner

Entre as 400 empresas entrevistadas pela Linus Foundation, 21% destacam a necessidade de ter em seus quadros talentos com conhecimento das plataformas de contêiner, alternativa da comunidade de OpenSource ao modelo de criação de máquina virtual em Nuvem por meio das soluções de hypervisor. Uma das ferramentas mais utilizadas no mercado é a tecnologia de código aberto Docker.

4-Hadoop para Big Data

Pelas projeções da IDC, mais metade dos projetos de Big Data implementados nos últimos 12 meses na América Latina foram baseados na tecnologia OpenSource Hadoop, uma das plataformas que mais vem se destacando em Nuvem. Isso significa que os talentos que entendem dessa tecnologia tendem a se dar bem no mercado de trabalho, considerando que o cientista de dados é a profissão do futuro.

5-Segurança da Informação

Na Era Digital, uma das áreas de crescimento será a Segurança da Informação para garantir a proteção de dados. Essa demanda se reflete também na busca por especialistas em segurança para plataformas de código aberto.

Onde buscar capacitação em OpenSource

O estudo da Linux Foundation revela como os profissionais de OpenSource podem ampliar conhecimentos em manter-se em linha com as exigências do mercado. Veja seguir:

info-b

Gostou do artigo? Comente!


Comente o que achou